Comidas e bebidas típicas de Manaus e do norte do Brasil

Quer cenário melhor para comer um peixinho?

Quer cenário melhor para comer um peixinho?

O norte do Brasil, como o nordeste, muitas vezes parece um país a parte, principalmente comparando com o sudeste e sul. Clima, cultura, costumes, música, “dialetos”, tudo diferente! rs E as comidas e bebidas típicas entram nessa aí.

– – –

Vou abrir um parêntesis para dizer que a maioria das fotos desse post foram gentilmente cedidas pelo pessoal da página Amazônia Saudável, no Facebook. Eles falam sobre “Gastronomia, Turismo, Saúde e um pouquinho da Amazônia para o mundo” e vale ir lá dar uma conferida, pessoal! Muito obrigada, pessoal da Amazônia Saudável! Fecha parêntesis.

– – –

Houve pouca influência das culturas negra e européia na região norte. Então ali se conserva a herança indígena em grande parte dos seus pratos, utilizando produtos naturais encontrados na fauna e flora da região amazônica. A base da alimentação são os peixes de água doce. E há vários bem utilizados e deliciosos:

  • PIRARUCU 2Pirarucu (um dos maiores peixes de água doce do mundo, chega a medir 3m e 300Kg): servido grelhado, cozido com leite de coco ou com açaí, na caldeirada, como escondidinho de pirarucu. Seco e salgado é o “bacalhau da Amazônia”, servido em bolinhos (como o bolinho de bacalhau), ou “de casaca”: nessa versão brasileira da bacalhoada, ele é salgado, cozido em postas ou desfiado e intercalado com farinha Uarini embebida em leite de coco e banana-pacovã;
  • Tambaqui: empanado, inteiro na brasa em churrascos, “de banda” assado no forno ou grelha, na caldeirada, costela de tambaqui (as espinhas tão grandes e grossas que lembram costelas);
Tambaqui: de banda e as "costelas" na caldeirada

Tambaqui: de banda e as “costelas” na caldeirada

  • Matrinxã recheado com legumes e jaraqui fresco

    Matrinxã recheado com legumes e jaraqui fresco

    Tucunaré: caldeirada, filé, frito à milanesa;

  • Matrinxã: inteiro na brasa, ou assado em forno recheado com farinha ou tomate, pimentão, cebola e coentro (como eu fiz, na foto ao lado);
  • Jaraqui: frito, dizem os manauaras que “quem come jaraqui, não sai daqui”;
  • Aruanã: filé frito ou empanado;
  • Piranha: bem fritinha.

Acompanhamentos

Vinagrete (ou molho a campanha) aqui acompanha qualquer prato, principalmente peixes, e leva coentro na composição. Delícia sempre!

Pacu com baião-de-dois e farinha Uarini

Pacu com baião-de-dois e farinha Uarini

Baião de dois (arroz + feijão verde ou de corda + legumes) substitui o tradicional arroz branco.

Aqui em Manaus a farinha de mesa que acompanha quase todos os pratos e com ela se faz farofa é também de mandioca (ou aipim, que aqui chamam mais de macaxeira, ou pela variedade aiapuã), mas tem uma granulação beeem maior e fica bem durinha, quase quebrando os dentes, cuidado! Essa farinha granulada, mais grosseira que sobra na peneira, se chama Uarini, que é na verdade o nome de um município do Amazonas. A farinha Uarini pode ficar muito boa hidratada em leite de coco. A mandioca também aparece no famoso tucupi (caldo da mandioca-brava, que pode ou não estar apimentado) que acompanha peixes e aves.

O tucupi é sempre servido em vidros separados, como opção de molho. Mas é utilizado também no preparo de pratos como o tacacá (sopinha com camarões servida em cuias, que curiosamente se come com palitinhos) e o pato no tucupi, que levam folhas de jambu (que pode anestesiar levemente a boca).

Tacacá e Pato no tucupi

Tacacá e Pato no tucupi

Muitas pimentas: murupi, pimentas-de-cheiro, embiriba, jiquitaia. Aqui em Manaus aprendi a comer e gostar de pimenta!

A feijoada aqui leva legumes no lugar de carnes salgadas. Bem, é mais light 😉

Como petisco elejo o Chips de banana: banana verde em rodelas finas fritas e salgadas. Vendem em saquinhos como batata-frita. Irado! E gostoso!

Fruta Amazônica: Abiu

Fruta Amazônica: Abiu

Frutas: banana pacovã (lembra uma banana-da-terra), castanha (do Pará, da Amazônia, do Brasil… ainda não se decidiram, mas é castanha!), guaraná (suco, xarope, refrigerante, em pó), muruci, pupunha, taperebá (lembra um cajá), bacuri, cajá, camu-camu, ingá, abiu, … Não as procure nos mercados, pois não vai encontrar. Precisa ir nas feiras! A maior parte dessas frutas é ingrediente de Sorvetes! Hummm…

Tucumã – frutos de uma palmeira que dá em cachos, tem textura fibrosa e macia e sabor suave. É usado em sorvetes e sucos, em saladas e no recheio de tapioca (muito comum aqui no norte, inclusive em café-da-manhã, com recheios de banana, queijo-coalho, castanha e tucumã) e de sanduíches (o famoso x-caboclinho, que leva ainda banana, queijo-coalho e ovo). Adoro ir aos domingos na feira da Rua Eduardo Ribeiro, em perto do teatro Amazonas comer esses lanchinhos e ver artesanato! Lá também várias das frutas regionais! 😉

Tucumã (frutos e lascas usadas nos pratos) e lanche típico manauara: tapioca e x-caboclinho

Tucumã (frutos e lascas usadas nos pratos) e lanche típico manauara: tapioca e x-caboclinho

acai-complementosAçaí – cuidado ao cair de boca sem se informar antes. O açaí no norte pode ser acompanhamento de comida salgada. Normalmente vem sem açúcar e nunca colocam os xaropes de guaraná e banana, como os saradinhos do Rio costumam tomar. Pode ser servido com farinha e tapioca em flocos, ou como pirão acompanhando peixes.

Balas (na verdade é um tipo de bombom) puxa-puxa de doce-de-leite com recheio de frutas regionais: melhor lembrancinha para levar para amigos e família. Podem ser encontradas com os clássicos bombons na loja Bombons finos da Amazônia (nos shoppings), e ainda vem em embalagens de artesanato local.

Bebidas: sucos de frutas locais (cupuaçú, taperebá, graviola, …) e vários refrigerantes de guaraná (Baré, Magistral, Real, Tuchuaia…).

Ficou ou não com água na boca???

Leia também:

35 opiniões sobre “Comidas e bebidas típicas de Manaus e do norte do Brasil

    • Olá, Maria Conceição. Pelas comidas, dá para pasar beeem mais tempo, não é mesmo? rsrs Tudo é uma delícia e saudável!
      Bem vinda ao blog PGM. Fique a vontade!
      Beijo, Cris sem h.

      Curtir

    • Olá, Sônia. Puxa, muito obrigada! Que bom que gostou. Tudo é feito com muito carinho.
      E não seria diferente com o norte, já que hoje eu, Cris sem h, vivo aqui em Manaus e curto muito!
      Bem vinda ao blog PGM. Fique a vontade!
      Beijo, Cris sem h.

      Curtir

    • Olá, Thiarles! Estou bem, e você?
      Eu não sei exatamente que informação adicional você quer. Quer saber de outros pratos típicos que eu não tenha citado? Ou saber se os manauaras comem os pratos típicos mesmo? Aí te digo que sim, o povo aqui come sempre peixe com essa farinha grossa que é a Uarini.
      Me diz o que você precisa exatamente que eu te informo sim.
      Beijo, Cris sem h.

      Curtir

      • Boa Tarde Cris! Estou bem também, então estou fazendo um trabalho sobre comidas tipicas e dizeres populares. Isso mesmo outros pratos típicos que não foram citados por você, e se você souber de algum dizer popular ou Gíria ira ajudar também. Beijo e muito Obrigado pela atenção e ajuda.

        Curtir

      • Thiarles, enquanto eu prossigo minhas buscas para um novo post sobre culinária amazonense (e todos vocês podem colaborar me dando dicas), vi algumas páginas do Portal Amazonas que podem te interessar.
        Bom trabalho!
        Beijo, Cris.

        Curtir

  1. Pingback: Guia de Viagem para Manaus | RBBV – Rede Brasileira de Blogueiros de Viagem

  2. Ha na sua regiao uma bebida chamada agua verde?
    O meu sogro esteve no Brasil ha muitos anos e disse que tomou essa bebida em Manaus, me pediu pra fazer pra ele, mas eu nao conheco.
    seria a caipirinha?
    Obrigada.

    Curtir

  3. Cresci em Manaus e estou vivendo fora do Brasil ja ha 16 anos. Vou visitar meu Brasil varonil agora Novembro ate Janeiro e estou indo passar as duas ultimas semanas em Manaus…. vou comer de novo tudo isso e tb minha fruta predileta: JAMBO…. peixe predileto: Pirarucu frito no leite da castanha….. e beber meu guarana favorito: Tuchaua!!!! DELICIA… e de quebra levar meu maridinho gringo para se deliciar junto comigo!!!!!

    Curtir

  4. Pingback: O XVI Congresso Brasileiro de Primatologia | Projeto de Conservação da Fauna do JBRJ

    • Obrigada! Que bom que gostou!
      Estou escrevendo aos poucos sobre cada estado por onde vou passando. Dê uma olhada lá.
      Olha, vale a pena provar a gastronomia do norte, viu?
      Abraços

      Curtir

  5. Passei 3 meses em Manaus e nunca ouvi falar do açaí com farinha ou peixe, todos outros pratos conheci e provei muitos deles, exceto o tucumã q não experimentei na tapioca e no pão. Já em Belém, é muito comum encontrar o açaí com peixe, camarão e charque com farinha ou farinha de tapioca.

    Curtir

    • Olá, Melina. Tudo bem?
      Sério que você não viu em Manaus?
      A 1ª vez que fui em uma casa de açaí em Manaus, no Vieralves (hoje essa casa virou restaurante), me serviram uma tigela de açaí “sem tempero” = sem açúcar ou xarope de guaraná. E como acompanhamento, tapioca (aquela durinha), camarão seco, e outras coisas salgadas como opção. Não dei conta não, rs.
      E essa semana mesmo comi no flutuante Abaré um filé de carne (de boi) com molho de açaí. Delícia por sinal.
      Já comi filé de pirarucu com purê de açaí e purê de banana pacovã também. Olha quanto uso pro açaí salgado!
      Agora quero provar a culinária do Pará também.
      Abraços, Cris

      Curtido por 1 pessoa

  6. Olá Cris tudo bem! estou preparando um trabalho escolar juntamente com os meus alunos, pois teremos que apresentar algumas curiosidades sobre o estado do Amazonas, fiquei feliz de ter encontrado algumas coisas sobre a culinária, já nos ajudou. obrigada minha querida! Agora vamos procurar outras coisas. BEIJOS.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s