Viajando pelo Peru – roteiros e dicas

Peru

Já mostrei o roteiro completo da viagem por 4 países da América do Sul, e também as dicas gerais para esse roteiro. Aqui começo os posts específicos dos países, com as dicas específicas para o Peru. Amei o Peru, sua culinária divina e o ótimo atendimento dos peruanos em qualquer estabelecimento (restaurantes, hotéis, lojas, táxis). Tudo transpira história e cultura Inca, com sítios arqueológicos bem preservados. Lima é uma cidade cosmopolita fascinante, a beira mar, muito agradável. Cusco precisa de tempo para ser descoberta para que o mal de altura não te derrube. Eu não respeitei esse tempo e acabei conhecendo-a pouco, mas amei o que vi, algo parecido com Ouro Preto em MG. Com certeza o ponto alto foi Machu Picchu, que é tudo isso que falam e mais um pouco! É mágico estar lá! E Puno é interessante, mas contrastou bastante com o restante dos lugares.

Dicas:

  • Vacinas e documentação: É necessário ter a vacina contra febre amarela comprovada na carteira internacional. Para entrar no Peru, basta ter RG (carteira de identidade) atual. Mas se você tem passaporte, leve e ganhe a carimbadas do país nas aduanas, e de quebra carimbos de Machu Picchu, e da Ilha de Uros em Puno.

mulher peruana com roupa típica

  • Transporte: Chegamos no Peru por Lima, de avião, vindo de Manaus pela Copa Air Lines (que faz o trajeto com escala no Panamá). De Lima voamos para Cusco pela StarPeru. De Cusco (Poroy), fomos e voltamos para Machu Picchu (Aguas Calientes) de trem pela Peru Rail. Então pegamos um ônibus da Cruz del Sur para Puno, e atravessamos a fronteira para Copacabana, na Bolívia, de ônibus pela viação Titicaca. Tanto em Lima quanto em Cusco, foi tranquilo usar táxis. Nas outras cidades menores se anda a pé.
  • Nuevos Soles, moeda peruana

    Nuevos Soles, moeda peruana

    Dinheiro/moeda/câmbio: A moeda peruana é o Nuevo Sol (R$1 = s/ 1,20. US$1 =  s/ 2,92). Levamos dólares e reais (faça câmbio direto do real, e não perca dinheiro em taxas 2 vezes). Vivemos mesmo dos saques em moeda local com cartão do Banco do Brasil e pagamento de hotéis no cartão de crédito. Para usar o cartão, habilite o uso no exterior e o uso específico no Peru em uma agência bancária no Brasil. Porque no Peru se usa um sistema a mais de segurança (Verified by Visa) que só ele tem, então sem essas habilitações, pode ser que você não consiga usar. Muitos gerentes de conta no Brasil desconhecem isso, você precisa explicar e pedir para eles buscarem a informação. No 0800 do cartão você não vai conseguir fazer, tem que ser na agência. Falamos com nosso gerente do Bando do Brasil e o cartão Visa funcionou normalmente no Peru, inclusive para saques. Usamos sempre os caixas da Scotiabank. Ah, pode negociar os preços em qualquer lugar, pois é de praxe e não é uma ofensa. Veja os custos desse roteiro aqui.

  • Fuso: Em relação ao horário de Brasília (oficial, fora do horário de verão), o Peru tem menos 2 horas.
  • Clima: A viagem foi quase toda com temperaturas baixas, e foi esfriando mais conforme subimos a altitude. Em Lima quase não faz sol o ano inteiro, mas o clima é mais agradável, em Cusco esfria bastante. Temperatura média para o período: 13 a 19ºC.
  • O que levar na mala: Esqueça regatas, saias, sandálias… Em Lima conseguimos usar calça jeans com camiseta e apenas um casaco por cima. Veja minha mala aqui.
  • Segurança: nos sentimos super seguros em todos os lugares no Peru. Mesmo a noite não sentimos problema em andar na rua ou pegar taxis. Os taxistas e atendentes de estabelecimentos são muito honestos e dão informações corretas e dicas ótimas.
  • Língua: A língua oficial é o espanhol. Dá pra desenrolar no portunhol, mas aprenda a falar o básico antes de ir. Obrigado, desculpe, por favor, … são coisas mínimas que devemos saber.
  • Tomadas: Eram sempre de 2 pinos chatos paralelos.
  • Quando ir: Como o ponto alto era Machu Picchu, escolhemos um mês entre os mais secos (junho a setembro), para não pegar chuva e conseguirmos subir as trilhas de pedras. Fomos no início de setembro, e acabou chovendo em Machu Picchu no 1º dia. Ainda bem que ficamos por 2 dias, porque no 2º estava um belo sol.
Chuva e sol em Machu Picchu: arco-íris e muita energia boa!

Chuva e sol em Machu Picchu: arco-íris e muita energia boa!

  • Impossível enfrentar a altitude e o mal de altura sem essa ajuda

    Impossível enfrentar a altitude e o mal de altura sem essa ajuda

    Altitude: Logo em Lima, providencie o Soroche Pills (remédio local que vende em qualquer farmácia) e já tome na véspera de ir pra Cusco. Mantenha seu uso 2x ao dia enquanto estiver em altitude. Tome sempre o chá de coca, masque as folhas e aproveite a coca em outras formas: bala, chocolate, etc. Sem a coca não dá pra aguentar a altitude sem se sentir mal. Não dá nenhuma onda, porque não há absorção do alcaloide da cocaína nesses tipos de uso sem refinamento.

  • Não deixe de … provar as deliciosas comidas e bebidas locais. Não é a toa que a culinária peruana está entre uma das melhores do mundo.
  • Água: Procure beber apenas água mineral. Encontre da marca San Mateo. Atente que as marcas San Luis e Cielo são águas de mesa, apenas “tratadas” (filtradas), e não minerais.
  • Comprar, lembrancinhas: As miniaturas de lhamas (em pedra ou do próprio pelo de lhama) são bem originais! Balas e chocolates de coca também são bem específicos e ajudam a desmistificar seu uso.

Roteiros no Peru

16 opiniões sobre “Viajando pelo Peru – roteiros e dicas

  1. Olá Cris, obrigada por compartilhar as dicas =)

    Estou indo no próximo mês, embora não seja o mais apropriado por causa das chuvas, foi a data que calhou. Irei com um pequeno grupo para um evento em Iquitos, mas como teremos cerca de 12 dias por lá, eu realmente quero ir a Machu Pichu, você saberia me falar a respeito de valores de deslocamento e hoteis até e em Cusco?

    Abraços,

    Mônica

    Curtir

  2. Cris, adorei suas dicas boas informações !
    Aqui alguns pontos turisticos do Peru.
    Peru é muito grande com muitas alternativas para escolher, não há dúvida de que o atrativo mais importante no Peru é a visita a Machu Picchu, também não podemos deixar de visitar tanto Cusco e Vale Sagrado.Visitar Arequipa também vale a pena pelo seu valor arquitetônico e calor da cidade. Ir para as Ilhas Ballestas e apreciar a vida marinha, apreciar também as Linhas de Nazca. Passear por Lima e desfrutar da gostosa comida peruana.
    Estes são algumas das atrações a comentar, há muitos mais que o Peru tem para oferecer.
    Visitem nosso site: http://www.machupicchupacotes.com/
    Abraços.

    Curtido por 1 pessoa

  3. – Primeiramente parabenizo pelos comentários do site Pequeno Grande Mundo que são bem interessantes e ajudam muito a todas as pessoas que desejam viajar para Machu Picchu, Cusco, Lima, Arequipa, Puno, e todo o Peru.
    Nos da Viagens Machu Picchu estamos dispostos a ajudar a todas as pessoas que desejam viajar e conhecer a nossa cultura Peruana.
    Recomendamos a todas pessoas que antes de viajar ao Peru, se informem sobre a cultura, clima, estações de turismo (Temporada alta e baixa), distancias e sobre os destinos turísticos que estão querendo visitar.
    Peru possui uma paisagem diversificada desde o nível do mar até os 6000 e 7000 metros de altitude.

    Curtir

  4. Pessoal alguém sabe dizer certo o que um turista brasileiro tem que pagar de taxas/impostos de aeroporto? Estou vendo passagens Cusco/Lima e tem muita diferença de preço e já vi algo que fala de uma taxa de aproximadamente U$ 170,00. Tenho viajado e nunca vi um relato, como vi em outro site sobre uma passageira ter sido surpreendida no aeroporto para pagar uma taxa. Pensei que ao comprar as passagens já pagamos as taxas e impostos. Alguém pode me ajudar, pois vejo nos sites das companhias aéreas muita diferença de preços. Ví na LCPeru o preço do trecho fica em U$ 72,00 + U$ 12,96 (imposto) + U$ 4,25 (TUUA), tem mais alguma taxa?

    Curtir

  5. Olá gente
    primeiramente parabéns pelo blog.
    eu sou peruano gostaria falar de machu picchu.

    Machu Picchu é considerada patrimônio mundial pela Unesco .
    A cidade Inca também é uma das maravilhas do mundo, o que atrai turistas do mundo todo. É uma grande área onde o mundo se mistura.

    Curtir

  6. Olá pessoal!!
    Qual é a melhor época para visitar Machu Picchu?
    É recomendável viajar a Machu Picchu e ao Peru de abril até novembro (época seca), o turismo no Peru é tudo o ano, mas o turismo é reduzido um pouco por causa das chuvas que é de dezembro até quase o final de março.
    Aconselhamos viajar no mês de junho por causa das festas folclóricas e pelo acontecimento da grandiosa Festa do Sol- Inti Raymi. (24 de Junho)
    Quem vai a Machu Picchu não pode deixar de subir para Huayna Picchu que é uma pequena trilha feita dentro da cidadela inca de Machu Picchu.
    – É bom dormir uma noite em Águas Calientes para subir a Machu Picchu ao dia seguinte bem mais cedo e assim visualizar a saída do sol.
    – Compre as entradas com antecedência, porque as vagas esgotam rápido na temporada alta.

    Curtir

  7. Olá pessoal!!
    primeiramente parabéns pelo blog, sensacional suas dicas.
    aqui uma recomendação: quem estiver planejando uma viagem ao Peru e deseja conhecer Machu destino permitira a permanência no local somente no primeiro período entre 6h a 12h, ou no segundo período que vai de 12h a 17h30, os novos horários de visitação passam a valer de 1 de julho de 2017 em diante.
    http://blog.viagensmachupicchu.com.br/

    Curtir

  8. Olá Cris, tudo bem?
    sensacional seu blog, ótimaas dicas.
    Machu Picchu é conhecida como a cidade sagrada dos Incas. Eleita Patrimônio Mundial pela Unesco, ela possui ares místicos e está situada em uma região repleta de segredos do antigo império, atraindo visitantes de todo o mundo para uma jornada inesquecível, repleta de histórias.
    Impossível não se encantar com as cenas de Machu Picchu na nova novela da Globo, Amor à Vida. Se você ficou ainda mais com vontade de conhecer este lugar mágico por conta própria, saiba que é bem mais fácil tirar esse sonho do papel do que você imagina.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s