Museus de Valletta, capital de Malta

Acesso Valletta, Malta

A cidade inteira de Valletta é um museu a céu aberto, tanto que foi declarada Patrimônio Mundial da UNESCOÉ uma pequena cidade murada e fortificada, e contei sobre as atrações ao ar livre no post anterior. Nesse post, vou contar um pouco sobre os museus e muita historia na capital de Malta.

Como disse antes, é uma cidade pequena, mas com tanta coisa pra ver e absorver que é necessário ao menos 1 dia inteiro de visita. Para quem tem pouco tempo, o museu mais imperdível é o Museu da Guerra (National War Museum) no Forte St Elmo, onde a historia da ilha se confunde com a historia do mundo.

Fort St Elmo e o National War Museum

National War Museum, Malta

National War Museum. No Fort St Elmo, na capital Valleta, o museu que mais gostei.

O Fort St Elmo foi construído em forma de estrela em 1552 por um engenheiro militar sob supervisão dos cavaleiros da Ordem de St John, para guardar a entrada da Grand Harbour. Desde 1565 sofreu ataques e bombardeios durante as invasões Otomanas, até a 2ª Guerra. Durante esses anos todos, sofreu reformas, alterações e melhorias, de acordo com o avanço da tecnologia militar.

Desde 1975, o Museu de Guerra conta cronologicamente toda essa história de muitas guerras sofridas por Malta. Começa na Idade do Bronze (2.500 a.C.), passa pelos fenícios, Império Romano, ataques de vândalos e piratas, tempos Bizantinos, Árabes, depois diversos governos europeus disputaram Malta, a chegada e extensa permanência dos cavaleiros de St John e a guerra entre cristãos e muçulmanos por territórios, uma intensa fortificação da ilha, a invasão francesa incluindo o próprio Napoleão Bonaparte, a fase colonial inglesa, as 2 Grandes Guerras Mundiais, terminando com a independência maltesa, a República e a entrada para a União Europeia. A história militar de Malta retrata muito bem sua história geral e também a história europeia e mundial.

Eu achei o museu mais interessante de Malta. Possui objetos, imagens, vídeos, e você pode acompanhar toda a história ouvindo numa espécie de telefone com uma numeração seguindo a ordem das salas. É um museu grande. Eu me interessei bastante e fiquei mais de 3h lá. Mas o mínimo seria uns 45 minutos, imagino.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Para chegar a ele, precisa atravessar toda Valleta, indo reto pela avenida principal (Triq Ir-Repubblika, ou Republic Street) e no final virar à direita para acessar a entrada.

A vista das muralhas do Forte é bem bonita. Também é possível acessar o costão rochoso do mar do lado externo do Forte e ter uma bela visão da Grand Habour.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Grandmaster’s Palace e o Palace Armoury

Organizados no mesmo grande prédio, mas com acessos distintos e conteúdos bastante diferentes, estão o Grand Master’s Palace e o Palace Armoury. Há duas entradas, a principal onde está a estátua de Netuno, e pelo Pátio do Relógio, que marca a hora, o dia, o mês e as fases da lua.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Não pude entrar no Grandmaster’s Palace (The Palace State Rooms) pois estava em manutenção no dia em que fui, bem como a fachada interna do prédio (para os jardins). Ele foi residência de muitos grão-mestres e sede do governo dos cavaleiros e do governo britânico. De qualquer forma, apenas uma parte do palácio fica aberta ao público, pois é utilizado como gabinete do Presidente de Malta e pelo Parlamento. Possui coleções de tapeçarias finas, pinturas de grão-mestres e monarcas europeus, mobiliário e brasões, e pinturas retratando o Grande Cerco de 1565.

O Palace Armoury, com coleção aberta ao público desde 1860, poderia ser um complemento do Museu de Guerra. Mas este trata especificamente de armaduras e armas originais utilizadas do século 15 ao 18 pelos cavaleiros de St John, com uma seção das armas turcas utilizadas pelos Otomanos, como sabres e armas de fogo ricamente ilustradas. Espadas, alabardas, bestas, pistolas, mosquetes, canhões, morteiros, … em uma das coleções mais ricas da Europa.

O Palace Armoury é composto por 2 grandes salões. Não é muito grande, mas possui também acompanhamento por áudio-guias. Eu levei cerca de 40 minutos para vê-lo, mas não sou nenhuma fã de armas. Ele fica situado na avenida principal (Triq Ir-Repubblika, ou Republic Street) na Praça St George.

Este slideshow necessita de JavaScript.

National Museum of Archeology

National Museum of Archaeology MaltaO Museu da Arqueologia fica na Republic Street em Valletta, bem próximo ao portão de entrada na cidade. O prédio que o aloja é de estilo barroco construído em 1571, o Auberge de Provence, que abrigava os Cavaleiros da Ordem de St John proveniente de Provence na França.

Fiquei impressionada com a coleção que reúne objetos que remonta ao período neolítico de Malta (5.000 aC) até o período fenício (400 aC). O Museu de Arqueologia dá uma boa introdução à pré-história e início da história da Ilha de Malta, e para quem vai visitar os outros museus e sítios arqueológicos em Malta. Eu adorei o visitar. Fui nele antes de visitar os museus de outras cidades, mas fiquei com vontade de voltar nele depois de visitar todos, para fechar o circuito e absorver melhor tudo o que eu tinha visto.

Os objetos que mais se destacam são os originais da ‘Sleeping Lady’ do Ħal Saflieni Hypogeum, a ‘Venus of Malta’ de Ħaġar Qim, punhais de bronze recuperados das camadas da Idade do Bronze nos Templos de Tarxien e o pendente de Horus e Anubis e o sarcófago antropomórfico, ambos do Período fenício.

Este slideshow necessita de JavaScript.

National Museum of Fine Arts

A coleção do Museu Nacional de Belas Artes em Malta vai do Renascimento até os tempos modernos. A coleção inclui pratarias, pinturas, estátuas, e mobiliário. Lá está exposta a maior parte do trabalho do barroco italiano de Mattia Preti (1613-1699) e outras pinturas de “caravaggistas”. O prédio é muito bonito, com detalhes em mármore branco e lindos afrescos pintados no teto.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Dica Importante

Para visitar todos os museus de Malta, eu fiz o Heritage Malta Multiple Pass. Ele me deu direito a entrar em 22 museus e o aquário em Malta e 10% de desconto nas lojinhas destes estabelecimentos durante um período de 30 dias a contar do 1º dia de uso. O preço fica em €50.00 para adultos, e €38.00 se mostrar seu comprovante de estudante da escola de intercâmbio. Suuuper valeu a pena! E até me incentivou a ir a todos os museus durante 1 mês.

Leia mais:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s