De Salvador a Boipeba com agência, e volta de avião

Moreré, Boipeba

Chegar a Ilha de Boipeba não é uma tarefa fácil. Salvador é a origem mais natural e intuitiva. E, apesar de a distância em linha reta entre Salvador e Boipeba ser de apenas 88Km, o caminho mais comum (via Valença) acaba levando cerca de 240Km e 5 horas para ser percorrido com uma combinação de diferentes meios de transporte.

Há diferentes alternativas para chegar em Boipeba, Continuar lendo

Banho de rio no flutuante Abaré SUP and food, em Manaus

flutuante Abaré SUP and food, ManausPassamos uma tarde deliciosa fugindo do calor de Manaus tomando um banho de rio revigorante no flutuante Abaré SUP and food.Abaré significa ‘Amigo’, em Aruak, uma língua indígena. O flutuante é um bar e restaurante flutuante mesmo, sustentado por toras de madeiras, nas águas do Rio (Igarapé) Tarumã-Açú, um afluente do Rio Negro. Ainda está na cidade de Manaus, no bairro Tarumã. Continuar lendo

Praia da Lua, praia de rio em Manaus

Praia da Lua, ManausEssa semana consegui fazer um passeio que queria fazer faz tempo: Praia da Lua. É uma praia de rio, do Rio Negro mais precisamente. Fica apenas a 10 minutos de Manaus de barco.

Aproveitei que amigas queridas estavam aqui em casa e fomos passar uma tarde nesse pedacinho de paraíso. Continuar lendo

Piscinas naturais Galés, em Maragogi, Alagoas

Galés, Maragogi

Piscinas Naturais no arrecife de corais Galés, em Maragogi

Passamos 5 dias em Alagoas, no nordeste brasileiro. O 1º deles foi dedicado a Maragogi, na Costa dos Corais, bem ao norte de Alagoas, quase na divisa com Pernambuco. Logo no 1º dia conseguimos fazer o passeio às Galés, uma piscina natural formada por uma barreira (ou recife) de corais, a 6Km da costa de Maragogi. Continuar lendo

Maragogi, Alagoas

Galés, MaragogiPassamos 5 dias em Alagoas, no nordeste brasileiro. O 1º deles foi dedicado a Maragogi, na Costa dos Corais, bem ao norte de Alagoas, quase na divisa com Pernambuco. Durante o breve tempo de planejamento, eu queria passar 2 ou 3 dias em Maragogi, pois sempre li e ouvi muito bem de lá, já foi citada como uma das praias mais bonitas do Brasil e tals. Mas, além da hospedagem em Maragogi ser beeem cara (mesmo em setembro, fora de temporada), não havia disponibilidade de hotéis pras datas que eu queria porque estávamos reservando em cima da hora. Portanto, reservamos 1 noite só. Continuar lendo

João Pessoa: Cabo Branco, Piscina Natural de Picãozinho, Tambaú

Bandeira da Paraíba

Bandeira da Paraíba

 

Contei no post anterior, que passamos uma semana em junho de 2015 na Paraíba: 4 dias em João Pessoa e 1 dia em Campina Grande. Agora vou começar a mostrar o roteiro detalhado de cada dia, com as imagens dos locais. Um mais lindo que o outro! Eis o 1º dia em João Pessoa, o único com sol o dia todo!

Antes, um parêntesis sobre a bandeira da Paraíba, aí ao lado. A palavra “nego” vem do verbo negar. Saiba o porquê aqui. Continuar lendo

Puno, no Peru: Passeio para Ilha de Uros

Puno Ilhas UrosEm setembro de 2014, estávamos viajando pela América do Sul, e passamos 6 dias no Peru. Passamos por Lima, Cusco, Aguas Calientes e a maravilhosa Machu Picchu. A próxima parada era Puno, um dos pontos de saída para passear pelo lago Titicaca, o lago navegável mais alto do mundo. Puno faz fronteira com a Bolívia, e é possível atravessá-la de ônibus (com um pequeno trecho de balsa), e por isso também a cidade integra o roteiro de muitos viajantes. Continuar lendo

Isla Grande, Arquipélago Islas Rosario

San-Pedro-Majagua-transporteVeja aqui o post inicial sobre Cartagena, com todo o roteiro e dicas desse incrível destino.

No 4º dia em Cartagena, deixamos a cidade murada rumo ao Arquipélago Islas Rosario. Como íamos ficar hospedados no Hotel San Pedro de Majagua, nos beneficiamos de seu ótimo esquema de transporte. Ele possui um hotel filiado na cidade murada, o Bóvedas de Santa Clara. De lá, sai um ônibus às 8:30 para a Continuar lendo

Passeio de barco pelos canais de Amsterdam

???????????????????????????????Não tem como ir a Amsterdam e não tirar a clássica foto das bicicletas e ao fundo um de seus canais. A cidade é totalmente costurada por esses canais, que foram construídos há muito tempo atrás. O objetivo, na verdade, oS objetivoS eram: 1 – transporte; 2 – irrigação; 3 – remoção de água e 4 – defesa da cidade.

Ao longo dos anos os canais foram sendo cada vez mais incorporados ao Continuar lendo